segunda-feira, 25 de junho de 2018

Anota aí!


Engraçado como as palavras vem à mente de forma tão inusitada. Verdadeeeeeee!!! Sim, estava aqui escrevendo no ‘’note’’ quando lembrei: ‘’Anota aí!’’ ao pensar em realizar um projeto que alguns duvidam que ‘’saia do papel’’.

Quando era adolescente tinha o costume de dizer ‘’Anota aí!’’ quando alguém duvidava da minha capacidade de ação e realização. Confesso: Nunca fui de meias-palavras, até porque nossos pais nunca gostavam de ‘’mimi’’, ou seja, nada de tentar justificar o injustificado e a verdade tinha que ser ‘’nua e crua’’ ,com direito a assumir as consequências dos atos e, deve ser por isso, que não gosto de ‘’palavras veladas’’.

Enfim, ‘’Anota aí, mana (o)!’’ Ainda vem muita novidade este ano! O engraçado é que no meu trabalho alguns colegas até perguntam: ‘‘Você está apaixonada, doutora  Alda ?’’ A minha resposta é ‘’Sim pela vida e pelas escolhas que fiz e faço hoje!’’.

Escolhas certas?Posso dizer: Necessárias!!!

Bjs,
Alda de Cássia


* Imagem: Vitória de Cássia

domingo, 24 de junho de 2018

VOCÊ SABIA: Ilustrações criativas usando truques 3D é possível


Olá !


Hoje, vamos a mais descobertas! Em minhas buscas na Internet achei ilustrações muito interessantes de um artista dinamarquês chamado HuskMitNavn. Tudo bem que a postagem é de janeiro de 2017, mas a beleza da criatividade vale a pena ser registrada e conhecida a qualquer hora.

As ilustrações criativas do artista usam perspectivas em 3D para dar mais realismo aos seus desenhos. A sensação é que o desenho está saindo do papel. Vou inserir uma ilustração dele abaixo e responda-me se ela é ou não criativa e vou inserir o link caso você queira dar uma olhadinha nas demais obras de arte dele.

Bjs,
Vitória de Cássia




Fonte: Site Bol
Link: https://bit.ly/2JYgB76­­



sábado, 23 de junho de 2018

Livro: Cinco Marias




Bem, gosto muito do escritor Carpinejar! Algumas de suas obras  são de uma ‘’beleza ímpar’’, o que me faz ter a certeza que é possível falar de assuntos diversos e até pessoais, sem ser inoportuno ou indiscreto.


Gosto de leituras acessíveis e cativantes! A sensação é: o escritor está sentado ao seu lado com um largo sorriso querendo dizer: ’’Bem assim... ’’.

Aqui vou compartilhar um pouco das ‘’Cinco Marias’’, mas com minhas palavras, pois não tenho autorização para compartilhar parte da obra. Sonho um dia conhecer ‘’Carpinejar’’ pessoalmente e dizer: ‘’Sou sua fã, por isso, autorize compartilhar alguns trechos dos seus livros, mano!’’ (rs)

Bem, gostei da reflexão que Carpinejar fez sobre ‘’perda’’, na qual ele disse que poderia perder tudo só para não poder ficar consertando as pequenas perdas.

Concordo! Perder aos poucos é tão penoso, pois ficamos remoendo as perdas que muitas vezes foram necessárias até porque acredito que toda perda é consequência de escolhas.

Bjs,
Alda de Cássia

*Imagem: Mercado Livre 

sexta-feira, 22 de junho de 2018

VOCÊ SABIA - Benefícios da leitura na qualidade de vida




Vamos lá ! Tudo tranquilo hoje? Espero que sim! Trago mais um artigo de minhas pesquisas pela Internet. Hoje é de um Site que fala a respeito dos "15 benefícios da leitura, que podem triplicar sua qualidade de vida. Muito interessante este artigo, sobre o qual vou colocar abaixo alguns trechos na íntegra para despertar a sua vontade de ler sobre o assunto.
Nunca duvidei do poder da leitura. Eu e a "mana abençoada" adoramos ler. Tento sempre arranjar um tempinho para fazer uma leitura, pois como sou da área de Tecnologia da Informação, passo a maior parte do tempo trabalhando e estudando em um computador.
Ultimamente, arranjei um tempo maior para a leitura e aliado a ela, o hábito de ouvir músicas instrumentais que vão desde as clássicas às tocadas em piano. Sou fã das músicas instrumentais neste instrumento musical. É quem diz que toca a alma. Eu assino em baixo, pois quando estou no computador ou lendo um livro ou uma revista, fico focada nos dois ao mesmo tempo. Verdade!! Quando minha mente se desvia por segundos da leitura, ela vai ao encontro da música que está tocando. Muito curioso isto! Mas, acontece comigo. Você já fez esta experiência? Nãooo!!! Então, fica a dica ! Rs
Voltando !!! A lista abaixo foi feita pelo jornalista e escritor Luiz Cesar Pimentel,  que pesquisou sobre este assunto em diversos sites confiáveis e matérias de especialistas.

Cito abaixo a lista da seleção de Luiz Cesar Pimentel:

1. Ler ajuda a dormir melhor
2. Ler reduz stress
3. Ler te deixa mais bonito
4. Ler encoraja a busca por conquistas
5. Ler aprimora sua empatia
6. Livros de auto-ajuda são importantes aliados no combate à depressão
7. Ler amplia seu vocabulário
8. Ler te torna mais rico culturalmente e menos preconceituoso
9. Ler é tão terapêutico quanto música e cinema
10. Ler um romance melhora atividade cerebral por dias
11. Ler previne Alzheimer e Demência
12. Leitores são mais inteligentes e têm melhor memória
13.  Ler faz com que você escreva melhor.
14. Ler traz de fato a mente sã em corpo sã
15. Ler te faz um ser humano mais humano

Vou colocar abaixo na íntegra uma das seleções para conhecermos melhor sua pesquisa.
"Ler aprimora sua empatia: É um dos resultados imediatos da leitura. Estudo mostra que se deixar envolver pela leitura e pelos desafios de personagens do livro traz sentimento de identificação e consequentemente empatia aos esforços dos outros. (Fonte: huffingtonpost.com"

 Até a próxima !!!
Bjs,
Vitória de Cássia
Fonte do artigo: Site: Contioutra
Via: Entretenimento R7




quinta-feira, 21 de junho de 2018

Aniversário das Gêmeas Paraenses - 21/06



Como estamos? Muitooooooo FELIZESSSSSS, pois hoje estamos completando mais um ano de vida! Uhuuuuuu! O que escrever por aqui? Hummmm...Nenhuma palavra ou frase seriam capazes de traduzir este sentimento gerado. Então, vamos compartilhar nossos momentos desde o nosso nascimento até os dias atuais.

Hoje...Queremos AGRADECER de coração para CORAÇÃO tanto carinho recebido de vocês manos e manas, pois sem vocês este blogger seria apenas uma rosa que não desabrochou!

OBRIGADAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAA!

Bjs,
Alda e Vitória de Cássia 













                                               





quarta-feira, 20 de junho de 2018

Livro: A tempestade


Olha que legallllll! Eu e a "mana abençoada" passamos rapidinho na  XXII  Feira Pan-Amazônica do livro, que foi realizado no Hangar, aqui em Belém.

Todos os anos é assim...Corremos para a Feira do Livro, não só para ver os novos lançamentos literários como fazer uma ‘’garimpagem literária’’.

Bem, dizer que amo ler é dizer que feijão combina com arroz (rs). Então, sem mais delonga vou logo apresentar mais uma ‘’garimpagem’’!

Este livro, em forma e HQ, é um clássico de William Shakespeare ‘’A Tempestade’’, que foi traduzido por Helô Beraldo e lançado pela editora Larousse Jovem. 

São 141 páginas de muita aventura, com cada ilustração tão bem feita que é impossível não começar a ler e chegar até o fim com aquela sensação de que valeu apena ler.

O certo é que ‘’A Tempestade’’, de Shakespeare, é segundo os estudiosos literários a única peça de Shakesperare considerada de sua autoria. Por isso, sendo uma obra-prima.

O cenário é a Tunisia. No enredo, o rei de Nápoles.  Alonso. e seu séquito são surpreendidos por uma forte tempestade.O que isso é incomum? Bem, ela foi provocada por ‘’Próspero’’, que era o duque de Milão, mas que foi destituído pelo seu próprio irmão, que usurpou o seu cargo além de ‘’jogá-lo’’ ao mar com sua filha ‘’Miranda’’ em seu colo e dentro de um pequeno barco.

É claro que a história gira em torno da vingança de Próspero, entretanto é possível, ao final constatar que o bem sempre vence e que o perdão é a única forma de se ter paz de espírito.

Dica de leitura!


Bjs,
Alda de Cássia

* Imagem: Capa & título

terça-feira, 19 de junho de 2018

Qual é a melhor idade para empreender?


"Qual é a melhor idade para empreender? Existe uma idade mínima? E qual conselho você daria para um jovem de 20 anos que cursa Administração de Empresas para se capacitar para o processo de empreendedorismo?"

                              Leandro Rodrigues de Oliveira
                                           Nova Friburgo, RJ


Não há idade determinada, certa ou errada, para ser empreendedor, isso é algo que ocorrerá naturalmente de acordo com o perfil de cada um. Contudo, aos jovens que se veem empreendedores, sugiro:

· Ser altamente atualizado e informado. Sem informação fica difícil identificar oportunidades;

· Ser determinado em suas pesquisas, análises e estudos para minimizar os riscos;

· Não cair na rotina e entrar em um processo robótico de suas atividades. Sempre buscar novas formas de melhorar;

· Ter senso crítico e questionar o porquê das coisas. Isso abrirá a mente para as sugestões e questionamentos como: “por que não fazemos assim ou dessa outra forma”;

· Antes de se aventurarem em seus próprios negócios, procurem ser empreendedores nas empresas em que trabalham;

· E o mais importante, perca o medo de arriscar, de fracassar, pois o fracasso nos fortalece. Ademais, os jovens têm esse direito.

Mas, para responder melhor a esta pergunta, acho que é mais prudente definir primeiro o que é ser empreendedor. Muitas pessoas, inclusive as mais jovens, acham que ser empreendedor é ter seu próprio negócio, ou seja, a partir do momento em que se tornam empresários passam a ser empreendedores. Esse pensamento está completamente equivocado. Ser empreendedor é muito mais que isso e não se limita ao empresariado. Há muitos empresários que não são empreendedores e vice-versa.

Em momentos de crise, quando o índice de desemprego cresce substancialmente, surgem muitos que se acham “empreendedores”. As pessoas, sem opções, resolvem pegar suas economias e investir em algum negócio, seja uma loja, lanchonete, oficina, etc. Mas fazem isso sem estar preparadas. Criam um negócio qualquer (um mero mercador que compra e vende), sem ter na veia o sangue empreendedor. E o resultado disso, que podemos chamar de desespero, não passa de mais um incremento nas estatísticas das pequenas empresas que fecham em menos de um ano. Esse é um exemplo clássico de que ser empreendedor não é ser empresário.

Ser empreendedor é pensar fora da “caixa”, do óbvio, e tentar novas soluções para melhorar sua atividade (seu trabalho). Um empresário empreendedor é aquele que vê oportunidades diferenciadas para o crescimento do seu negócio. Desde a área industrial, como formas mais eficazes e baratas de produção, até a área de vendas, como também vislumbrando novos mercados e apresentando seu produto de forma inovadora.

Uma pessoa pode também ser empreendedora no seu emprego, na sua função. Para isso basta desenvolver novos métodos, que de alguma forma gerem ganhos para o acionista da empresa. “Empreendedor é o individuo que detém uma capacidade nata de inovar, organizar, administrar e executar . Destaca-se gerando novos produtos - mercadorias ou serviços - a partir de conhecimentos e bens comuns. Em outras palavras é o profissional que, à sua maneira, modifica, pioneiramente, a forma de atuação de procedimentos considerados universais, com resultados bem superiores aos denominados “lugar comum”.

O espírito empreendedor está dentro de cada pessoa. É nato. E como todo dom, tem que ser desenvolvido, lapidado. Porém, às vezes fica escondido, sem manifestar-se, por uma série de fatores entre os quais destaca-se o medo de arriscar. Para que possamos desenvolver nossas habilidades empreendedoras temos que nos livrar do medo do fracasso, sair da zona de conforto e procurar sempre formas de agregar valor ao negócio.

* Marcelo Costa Menezes é empresário do setor de bicombustíveis e energia renovável, diretor do CJE – Comitê de Jovens Empreendedores da FIESP - e membro do Conselho dos Novos Líderes.

Fonte: Pequenas Empresas & Grandes Negócios
            Divã do Empreendedor / Jovens Empreendedores


 *Pesquisa para o blog: Vitória de Cássia 
*Imagem: Google